Novo chip da Huawei promete ser ainda mais poderoso do que o A12 Bionic da Apple

De acordo com a Huawei, seu chip Kirin 980 será melhor do que o A12 Bionic dos novos iPhones que foram anunciados recentemente. A afirmação foi feita em uma reunião de produtos feita em Dubai, sendo que a fabricante chinesa já havia divulgado seu chipset de 7nm na IFA em setembro, com data de seu lançamento marcada para 16 de outubro — junto do anúncio do aguardadíssimo Mate 20 Pro.

Quanto ao A12 Bionic da Apple, ele foi divulgado há apenas algumas semanas, com a revelação dos novos iPhone XS, Xs Max e XR. Sem um smartphone em mãos, porém, fica difícil saber o que exatamente existe para se comparar entre ambos os chips; apesar de se saber que o chip da empresa de Cupertino possui uma CPU com alguns núcleos voltados para a performance, enquanto outros trabalham no quesito eficiência — a velocidade do clock, contudo, ainda é um mistério.

Além disso, existe uma GPU quad-core no A12 Bionic, e um octa-core para a rede neural da inteligência artificial, que se diz ser capaz de alcançar 5 trilhões de operações por segundo. O chipset da Apple também abriga 6,9 bilhões de transistores, assim como o Kirin 980. Então, o que exatamente a Huawei quer dizer quando afirma que seu chipset é melhor do que o da Maçã?

sse “melhor” é difícil de qualificar. O Kirin 980 pode ser mais rápido, mais eficiente, alcançar números maiores, ter uma inteligência artificial aprimorada, conectividade superior ou se focar em algo que o A12 Bionic deixa a desejar. Porém, a CPU e a GPU do chip da Apple já são avantajados de maneira significativa.

A Huawei, ainda assim, pode obter uma vantagem no desempenho de múltiplos núcleos da CPU e na eficiência de energia escalável, graças à configuração do DynamIQ 2+2+4. Na teoria, isso significa que o chip lidaria melhor com uma grande variedade de processos e com um consumo de energia otimizado, batendo de frente com o design do chipset da Apple, que é 2+4, apenas.

Outra forma de a fabricante chinesa superar a companhia de Cupertino é nas redes neurais, ainda mais considerando que a Huawei já tinha uma NPU poderosa no Kirin 970, e que promete dobrar de desempenho no Kirin 980. De toda forma, com a afirmação da empresa de que seu produto é melhor do que o A12 Bionic da Apple, fica a expectativa de que o chipset se mostre superior em aspectos que vão além de mais velocidade na hora de se abrir aplicativos.

Fonte: CanalTech

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *